Você sabe como transportar o pet de forma correta no carro? Confira algumas dicas

Saiba o que pode e o que não pode durante uma viagem

São José dos Campos-SP, 4 de julho de 2022, por Marcos Eduardo Carvalho – Os pets fazem parte da nossa vida, cada vez mais. Então, também tem se tornado comum viajar e levar os animais para todos os cantos. No entanto, para passear de carro com eles, precisamos de alguns cuidados.

Assim como as crianças, que precisam de cadeirinhas, os pets também não podem ser negligenciados. E o blog Olhar Automotivo vai falar um pouco sobre o assunto.

Veja em seguida: Audi investe R$ 100 milhões para retomar produção em São José dos Pinhais

Primeiramente, transportar um animal de estimação solto no carro é considerado como uma infração grave no CTB (Código de Trânsito Brasileiro). Assim, a multa é de R$ 195,23. Isso sem contar o risco para o animal.

Como os animais são transportados?

Desse modo, o cenário mais ideal é colocar os pets no banco de trás ou no porta-malas. Desde, é claro, que o porta-malas tenha espaço e seja arejado, como nos SUVs, por exemplo. Além disso, é necessário levar em uma caixa e esta deve estar bem fixa no banco, com cinto.

Além disso, ainda existem as cadeirinhas para transporte dos pets, que possuem ganchos para fixar no cinto de segurança ou até mesmo no banco. Mas o mais importante mesmo é que possamos proteger bem os animais.

No caso específico dos gatos, devemos levar sempre na caixinha. Até porque os felinos teriam mais dificuldades em ficar presos ao cinto ou na cadeirinha específica.

Você sabe como transportar o pet de forma correta no carro? Confira algumas dicas. Foto: Canva
Você sabe como transportar o pet de forma correta no carro? Confira algumas dicas. Foto: Canva

 

Veja em seguida: Você sabe o que é a franquia do seguro do carro? Confira quando pode usar

Cuidado com a velocidade

Outra questão importante é a velocidade do carro. Independentemente de ter um pet dentro, evite passar o limite permitido. Até porque acelerar demais pode causar enjoo em alguns pets.

Inclusive, outra situação que não devemos permitir é colocar o pet na janela, pois, em caso de acidente, poderá ser fatal para ele. Lembre-se que os animais são como membros da família e são seres vivos.

Além disso, carregar solto no banco da frente do carro, nem pensar. Assim, o risco é ainda maior para o animal e até mesmo para o motorista. Isso porque poderá se distrair e perder o controle do veículo.

Em viagens, faça paradas

Por fim, se for fazer uma viagem longa com o seu pet, não faça o trajeto direto. Neste caso, o ideal é parar um pouco no caminho. Então, dê água e comida ao seu pet e deixe-o fazer suas necessidades. Então, poderá seguir viagem normalmente.

Veja em seguida: GP da Inglaterra: Carlos Sainz vence pela 1ª vez na carreira em corrida espetacular; confira

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler Mais

Privacy & Cookies Policy