Quais os cuidados que devemos ter com os carros com carburador? Veja como fazer

Equipamento ainda existe por conta dos muitos carros dos anos 70, 80 e 90 circulando

São José dos Campos-SP, 15 de maio de 2022, por Marcos Eduardo Carvalho – Os carros com carburador foram sendo substituídos no mercado brasileiro pelos com injeção eletrônica entre os anos de 1989 e 1995, por exigências do governo para reduzir as emissões de gases. Entretanto, muitos desses carros ainda rodam e o Olhar Automotivo vai falar um pouco sobre o assunto.

Primeiramente, vale lembrar que o carburador é um equipamento totalmente mecânico e que mesmo sem apresentar problemas, devemos limpar regularmente a cada seis meses. Desse modo, vamos evitar problemas futuros.

Veja em seguida: Você sabe trafegar corretamente em uma rotatória? Confira como agir da forma correta

Isso porque esse é o principal sistema de alimentação dos automóveis e um mau uso pode até causar incêndios. Nos carros mais antigos, existia a ‘afogador’, que servia para bombear combustível. E, nos carros a álcool, existem os reservatórios de gasolina para facilitar a partida do carro.

Assim, é importante manter o carburador regulado para não afetar inclusive o motor de arranque. Caso o carro demore para pegar, principalmente em dias mais frios, o excesso de tentativas pode comprometer essa outra peça.

Quais os cuidados que devemos ter com os carros com carburador? Veja como fazer - Canva
Quais os cuidados que devemos ter com os carros com carburador? Veja como fazer – Canva

Quais os problemas mais comuns no carburador?

Caso o carburador do carro comece a apresentar falhas, uma da característica é o aumento de consumo de combustível. Muitas vezes, chega a 30% acima do normal.

Outro problema comum é a diminuição de potência do motor. Inclusive, isso faz o motorista acelerar mais e, consequentemente, gastar mais combustível.

Além disso, mais uma característica é o carro morrer quando está em marcha lenta, principalmente quando passa por um obstáculo ou para em semáforo. E isso também aumenta o consumo de combustível.

Veja em seguida: Ford inclui a Ranger FX4 no serviço de carro por assinatura

Como fazer para deixar o carro carburado mais econômico

Agora, além dos cuidados mecânicos, o motorista também precisa dirigir da maneira correta para diminuir o consumo de combustível do carro.

Neste caso, evite dirigir na ‘banguela’, ou seja, quando o carro está sem marcha engatada. Além de gastar mais combustível, ainda é perigoso perder o controle.

Mas também é importante acelerar e frear de maneira mais suave, pois, ações mais bruscas vão fazer o carro consumir mais combustível.

Por fim, também troque as marchas sempre no tempo certo e evite ‘esticar’ muito, pois, isso também faz gastar mais. E sempre se lembre de fazer a manutenção preventiva para evitar gastos maiores no futuro.

A seguir, veja um vídeo do canal ‘Tudo sobre automobilística cursos automotivos’ e saiba um pouco mais sobre os carburadores.

Veja em seguida: Partner Rapid: novo utilitário da Peugeot, produzido na fábrica de Betim, em Minas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler Mais

Privacy & Cookies Policy