Márcio de Lima Leite, novo presidente da Anfavea, terá 3 anos de desafios; saiba quem é ele

Ele também é dirigente do grupo que comanda a Fiat na América do Sul

São José dos Campos, 3 de maio de 2022, por Marcos Eduardo Carvalho – A Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores) tem um novo presidente para o próximo triênio. Assim, Márcio de Lima Leite, de 51 anos, fica no cargo até 2025. E o Olhar Automotivo vai falar sobre os desafios que ele terá pela frente.

Agora, o novo presidente, que assumiu na segunda-feira (2), inicia um trabalho no lugar de Luiz Carlos Moraes, que encerrou o mandato nesta semana. E terá pela frente muitos desafios.

Veja em seguida: Preços dos combustíveis: ANP determina exibição de apenas duas casas decimais; veja como fica

Afinal de contas, o Brasil vive uma crise financeira e os preços dos carros subiram muito nos últimos anos. Somado a isso ainda tem a questão dos combustíveis, que também ficaram caros e até proibitivos para os consumidores.

Desta maneira, também impacta na cadeia de produção da indústria automotiva e compromete o crescimento do setor. Mas Márcio Leite sabe muito bem do que se trata.

Isso porque ele também acumula o cargo de vice-presidente de assuntos jurídicos, tributários e relações institucionais do grupo Stellantis na América do Sul. Esse grupo controla 14 marcas, entre elas a Fiat e a Jeep.

Enquanto isso, era vice-presidente da Anfavea desde 2017, quando o cenário da indústria automotiva brasileira era um pouco melhor.

Veja em seguida: Óleo mineral, sintético ou semissintético? Confira qual é o melhor para o seu carro

Importância do setor automotivo

Na condição de novo presidente da Anfavea, Márcio de Lima Leite ressalta a importância da cadeia produtiva do setor automotivo brasileiro.

“As nossas fábricas e nossos produtos são apenas a ponta do iceberg de um enorme ecossistema de empresas, fornecedores de peças e insumos, prestadores de serviço, revendedores e uma variedade incrível de consumidores particulares e corporativos, todos interconectados”, disse ao site da entidade.

Além disso, Leite também destaca o desenvolvimento da indústria brasileira através do setor automotivo.

“Mais do que números superlativos, nosso setor induz o desenvolvimento e traz ao país inovações tecnológicas, conhecimento técnico e estratégico, crescimento socioeconômico e uma infinidade de conquistas intangíveis”, afirmou.

“É em nome de tudo isso e da transformação da mobilidade que queremos atuar e debater os necessários avanços com todas as esferas do poder público, do setor privado e de toda a sociedade”, ressaltou o novo presidente.

Assim, pós-graduado em gestão estratégica, Márcio de Lima Leite vai precisar também de muito conhecimento para a nova missão que vem pelos próximos três anos.

Veja em seguida: Você sabe em quais situações pode usar o acostamento na estrada? Confira essas dicas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler Mais

Privacy & Cookies Policy