Vale a pena instalar gás natural no carro? Confira essas dicas preciosas

Opção pode ser vantajosa em alguns casos

São José dos Campos-SP, 24 de maio de 2022, por Marcos Eduardo Carvalho – O gás natural é uma alternativa de combustível para os carros, ainda mais em tempos de crise e aumentos constantes de preço da gasolina. Todavia, o gás também subiu e o Olhar Automotivo vai falar um pouco sobre o assunto.

Primeiramente, o preço do gás natural, de acordo com dados da ANP (Agência Natural de Petróleo), pode variar entre R$ 4,30 e R$ 7 no preço médio do metro cúbico. A gasolina também custa em média R$ 7. No entanto, o gás consome menos e com um cilindro de dez metros cúbicos, é possível rodar cerca de 100 quilômetros.

Veja em seguida: RAV4 chega para ser a aposta eletrificada da Toyota no Brasil; confira os detalhes

Desta maneira, é preciso ‘colocar na balança’ e ver se realmente vale a pena. Segundo especialistas, o gás é válido caso o motorista rode muitos quilômetros, como taxistas e veículos de aplicativos, por exemplos.

Vale a pena instalar gás natural no carro? Confira essas dicas preciosas - Foto: Canva
Vale a pena instalar gás natural no carro? Confira essas dicas preciosas – Foto: Canva

Saiba o que considerar na hora de colocar gás natural

Agora, para instalar o gás, o proprietário vai gastar de R$ 4 mil a R$ 5 mil pelo equipamento e mais a taxa de homologação, obrigatória na hora de colocar no documento.

Além disso, o gás natural demanda um cilindro e esse equipamento ocupa um espaço considerável no porta-malas do veículo. Isso sem contar que, em caso de vazamento, pode explodir e colocar em risco a vida das pessoas.

Outra questão importante é conhecer a procedência da empresa que vai instalar o equipamento. Isso porque, em muitos casos, pode até mesmo danificar o motor do veículo.

Aliás, por falar em problema no motor, caso o carro já esteja desligado, terá mais problema para conseguir converter e até mesmo homologar. Tudo por uma questão de segurança.

Veja em seguida: Fiat comemora 400 mil unidades produzidas do Mobi em Betim; veja o motivo do sucesso

Procure apenas oficina credenciada

Inclusive, mais do que saber a procedência da oficina, é importante saber se ela é homologada no Inmetro (Instituto de Metrologia). Pois, isso vai garantir mais segurança na hora de fazer instalação.

Caso opte por uma oficina clandestina e com cilindro reutilizado, vai também colocar a própria segurança e a de outras pessoas em risco. Então, é necessário ainda ter essa conscientização.

Por fim, também é importante lembrar que o retorno financeiro vem depois de alguns meses, pois também precisa considerar o gasto com o equipamento. A seguir, veja um vídeo do canal ‘CAR UP Dicas Automotivas’, com mais um pouco sobre o assunto.

Veja em seguida: Scénic Vision, o novo carro-conceito da Renault; aposta no futuro

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler Mais

Privacy & Cookies Policy