Mini está de volta às 24h de Nurburgring em 2022 após 10 anos de ausência; confira os detalhes

Prova na Alemanha vai acontecer entre os dias 26 e 29 de maio

São José dos Campos, 22 de abril de 2022, por Marcos Eduardo Carvalho – A Mini está de volta à tradicional 24 hora de Nurburgring, uma das principais provas de resistência do automobilismo mundial. Assim, a fabricante terá o seu John Cooper Works na briga pela vitória entre os dias 26 e 29 de maio, em um dos autódromos mais famosos do mundo, na Alemanha. E o Olhar Automotivo vai falar um pouco sobre o assunto.

Primeiramente, esse projeto de 2022 começou, na verdade, em 2020, quando a fabricante conhecida pelo carro do ‘Mister Bean’ retomou a ideia de competir em Nurburgring. De lá para cá, cresceu muito e agora está pronta para a disputa no circuito alemão.

Veja em seguida: BYD Han: saiba tudo sobre o sedan elétrico, porém com preço salgado

Assim, o carro que vai fazer parte da equipe Bulldog Racing já começou a passar por mudanças de adequação. Contudo, segundo a Mini, as mudanças em relação aos veículos de rua são relativamente pequenas.

Desse modo, segue com o motor 2.0 Twin Power, do modelo Countryman, com 306cv de potência e outros 450nm de torque. Além disso, conta com transmissão automática de oito velocidades, através da Steptronic.  No entanto, tem um efeito bloqueio de 70%, para não perder muita performance. Afinal de contas, a equipe quer fazer bonito e competir de igual para igual com os outros concorrentes.

Veja em seguida: Sabia que o teto solar do carro também precisa de manutenção? Confira essas dicas incríveis

Outras adaptações no Mini

Mas as mudanças do carro não param por aí. Por exemplo, na parte interna, além dos bancos traseiros, se retiraram todos os outros itens possíveis, para diminuir o peso e aumentar o rendimento do veículo nas pistas, o mais importante.

Além disso, a equipe retirou os vidros originais e colocou outros de policarbonato, pois não estilhaçam. Assim, além de reduzir o peso do veículo, também vai contribuir para a segurança dos pilotos.

Por fim, outras mudanças foram feitas por conta da corrida, como a adaptação da suspensão e a ampliação do tanque de combustível para suportar até 100 litros. Desta maneira, terá uma autonomia maior nesta longa prova. A equipe também adaptou os freios do carro e o modelo da Mini ganhou um sistema pneumático para a troca rápida de pneus durante a prova, que será a 50ª da história. A seguir, acompanhe um vídeo do canal ‘Sport Auto’, com um teste do Mini.

Veja em seguida: Águas de Lindóia recebe sedia encontro de carros antigos até domingo

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler Mais

Privacy & Cookies Policy