Porsche tem quedas nas vendas mundial, mas cresce na Europa e Alemanha; veja números

Expectativa é de melhora para o ano que vem

São José dos Campos-SP, 21 de julho de 2022, por Marcos Eduardo Carvalho – A Porsche, uma das maiores fabricantes de carro do mundo, teve queda de 5% nas vendas de veículos novos no primeiro semestre de 2022. Isso em relação ao mesmo período do ano passado, segundo dados divulgados pela empesa alemã na última semana.

Por outro lado, quando se trata do mercado alemão e no restante da Europa, o cenário foi um pouco diferente e a Porsche registrou alta nos números. E o Olhar Automotivo vai falar um pouco sobre o assunto.

Veja em seguida: Quando surgiram as setas dos carros? Confira essa história

Entre janeiro e junho deste ano, a empresa alemã entregou 145.860 carros no mundo todo, incluindo a própria Alemanha. Então, foi 5% menos do que no ano anterior.

Mercado da Porsche cresce na Europa

No entanto, considerando apenas o cenário europeu, o aumento foi de 7% no primeiro semestre deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado. Em 2022, a Porsche comercializou 43.087 unidades de seus veículos no Velho Continente.

Enquanto isso, no mercado dentro da própria Alemanha, a fabricante teve um número de 13.785 unidades. Assim, a alta foi de 5% neste período.

Veja em seguida: Startup aposta em novo portal para comparativo de venda de carros

Mas o que chamou a atenção foi a grande quantidade de unidades entregues na China este ano. Apesar do pesado lockdown por causa da pandemia da Covid-19, a Porsche comercializou 40.681 carros aos seus consumidores no país mais populoso do mundo. Ainda assim, caiu muito em relação ao mesmo período do ano anterior, isso na casa dos 16%.

Mas se considerar todo o Oriente Médio e a região de Ásia e Pacífico, foram mais de 62 mil unidades comercializadas. Um dos países que mais recebe carros da Porsche é o Emirados Árabes. Aliás, Dubai é famosa justamente pelos carrões, entre eles, os da fabricante alemã.

América

Por fim, nos Estados Unidos, um dos mercados mais importantes da marca, a queda nas entregas chegou a 10% durante o primeiro semestre deste ano. Assim, ficou com 32.529 veículos entregues por lá.

No entanto, a Porsche se mostra otimista para os próximos meses e espera ampliar as vendas mundiais no ano que vem. Principalmente, com a diminuição da Covid-19.

Veja em seguida: Nova Ford F-150 Raptor é a mais potente de todas na Ford; confira

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler Mais

Privacy & Cookies Policy