Verstappen vence GP de Baku,e dispara na liderança do Mundial; veja como foi

Enquanto isso, as duas Ferraris tiveram problemas e abandonaram

São José dos Campos-SP, 12 de junho de 2022, por Marcos Eduardo Carvalho – O piloto holandês Max Verstappen, da Red Bull, venceu o GP de Baku, no Azerbaijão, na manhã deste domingo (12), pela oitava etapa do Campeonato Mundial de Fórmula 1 2022. E o Olhar Automotivo vai falar sobre o assunto.

Com esse resultado, ele chegou a cinco vitórias no ano e, como atual campeão mundial, chegou a 150 pontos.

O seu companheiro de equipe, o mexicano Sergio Perez, ficou em segundo lugar e assumiu o segundo lugar na temporada, com 129 pontos. As duas Ferraris abandonaram e Leclerc caiu para o terceiro lugar na classificação, com 116 pontos.

Mas a surpresa positiva da prova foi a Mercedes, que foi ao pódio com George Russell, em terceiro, e Lewis Hamilton ficou em quarto.

Agora, eles voltam às pistas no próximo domingo, quando disputam o GP do Canadá, em Montreal, a nona etapa do Mundial.

Veja em seguida: Ferrari Roma: saiba sobre o carrão do atacante belga Romelu Lukaku

Como foi a prova

Logo na largada, Perez largou melhor, tracionou bem e ultrapassou Leclerc, assumindo a ponta e já abrindo uma certa distância.

Enquanto isso, Nicholas Latifi, da Williams, teve que pagar punição nos boxes por posicionar o carro fora da marca antes da largada e a equipe ajustar fora do tempo permitido.

Por sua vez, lá na frente, Perez ia abrindo vantagem sobre Leclerc, enquanto Verstappen se aproximava e pressionava o monegasco.

Depois, na décima volta, Carlos Sainz, da Ferrari, que estava em quarto lugar, abandonou, saiu da pista e veio o Virtual Safety Car. Com isso, seu companheiro Leclerc aproveitou para trocar o primeiro, com outros pilotos seguindo o mesmo caminho.

Apesar de colocar pneus duros, o monegasco demorou 5,4 segundos na parada, o que atrapalhou um pouco a estratégia da equipe.

Mais tarde, na volta 15, Verstappen passou Perez, após tirar dois segundos de diferença, fazendo a troca de posição. Naquele momento, Leclerc, com pneus mais novos, também diminuía a distância.

Veja em seguida: Leclerc faz a pole position para o GP de Baku de Fórmula 1; confira como foi o treino

Então, a expectativa naquele momento era saber se o piloto da Ferrari iria aguentar a prova toda com aquele jogo de pneus, sem precisar trocar novamente.

Mudanças de posição

E, na volta 17, Perez parou para trocar os pneus, pneus, mas também demorou e perder 5,4 segundos na troca. Assim, viu Leclerc livre para perseguir Verstappen.

Assim, na volta 19, o holandês parou também para trocar pneus e voltou em segundo lugar, 13,6 segundos atrás de Leclerc.

A partir daí, começou uma briga direta entre os também dois primeiros colocados no Campeonato Mundial. Entretanto, na volta 20, o motor da Ferrari estourou e Leclerc abandonou a prova.

Com isso, a corrida ficou totalmente nas mãos de Verstappen, que já tinha mais de 4 segundos de frente sobre Perez.

Apenas na volta 34 eles pararam de novo para trocar pneus, mas a vantagem do holandês era tanta, que ele voltou na frente e ainda aproveitou um Virtual Safety Car.

Depois, foi só administrar a liderança e vencer uma das corridas mais tranquilas da carreira dele até agora.

Veja em seguida: Meu carro passou dos 200 mil quilômetros rodados: e agora? Saiba quais cuidados devemos ter

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler Mais

Privacy & Cookies Policy